Início

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

O papel do dermatologista no tratamento

Assim como o sol é indispensável para a vida na terra, o dermatologista é essencial para o tratamento com a Isotretinoína.

Muitas dúvidas rondam nossas cabeças na hora de decidir se realmente queremos iniciar o tratamento com a Isotretinoína. A principal delas refere-se à presença do dermatologista no ciclo. Um fato é incontestável: O dermatologista será obrigatório no uso da Isotretinoína.
A Isotretinoína é uma substância que deve ser tratada com cuidado e supervisão profissional. Não deve-se considerar a possibilidade de usar a Isotretinoína sem a supervisão, indicação e autorização de um profissional habilitado.
O dermatologista exercerá papel fundamental do decorrer do tratamento. Será ele o responsável pelo pedido e análises dos exames, indicação da posologia diária (dosagem),  norteamento do paciente e classificação do atual estado do paciente.
O dermatologista também será o responsável pela emissão das receitas. As receitas deverão ser controladas mediante a legislação vigente, mas essa responsabilidade limita-se à farmácia.

O dermatologista e o SUS


No SUS o tratamento é gratuito, mas os pacientes precisam passar por uma avaliação rígida e têm de se enquadrar em uma série de critérios exigidos pelo Ministério da Saúde. Farei um post para especificar os procedimentos  adotados pelos estados  para receber o medicamento pelo SUS.
Para receber o medicamento pelo SUS o paciente precisa adquirir uma papelada extensa. Entre elas, um laudo que deve ser preenchido pelo dermatologista responsável. É preciso evidenciar que o direito de gratuidade é do paciente, não do dermatologista, independente do dermatologista ser da rede privada ou pública.
O dermatologista que se recusar em preencher o referido laudo, deve se advertido, pois está agindo de má fé, causando danos para o seu paciente. Não deixe que um dermatologista arrogante e despreparado interfira no seu tratamento.
Antes de iniciar seu tratamento, pesquise os antecedentes do dermatologista pretendido, analise se ele possui experiência, se a postura dele te agrada. Faça a escolha certa e evite transtornos no futuro.

______________________________________________

Off post: Agradeço as pessoas que comentam
e sempre frequentam o blog. Lembrando que
estou disponível no Msn, Orkut, Facebook
e EMAIL. Comentem sempre! Abraços!



2 comentários:

Anônimo disse...

fala brother, sou do RJ,
apos fazer todas aquelas series de exames, comecei ontem o tratamento,
30mg p/dia...só ñ sabia que eu tinha direito a receber o medicamento pelo SUS.

gostei do seu blog, e gostaria muito q vc me tirasse umas duvidas:
minha acne ñ é severa, foi considerada de grau II e persistente, pois voltou apos outros tratamentos, dai a decisão da Dermato em me receitar a Isotretinoina. Então, uma das duvidas é se eu conseguir o medicamento pelo SUS, eu receberei o Roacutan ou o genérico!? pois tenho lido em alguns blogs, pessoas voltando ao tratamento, pq utilizaram o generico.

Outra duvida: o SUS pode recusar a minha solicitação ou até msm me encaminhar a uma Dermato do SUS sob a alegação de meu caso ñ ser indicado, ou quem decide isso é a miha Dermato!? q no caso é particular?!

aguardo sua resposta!!!
um abraço!!!(Rafa Oliveira)
e-mail: r9crkc@hotmail.com

Dino disse...

Meu grau era 4 ou seja o pior, e após 9 meses de tratamento com 50 mg mês e muitos efeitos colaterais principalmente uma dor infernal na perna causada por uma inflamação no nervo ciático, terminei no ultimo dia 06/03 meu tratamento e tenho que dizer aleluia!
Mais enfim o resultado foi satisfatório tirando os nódulos que ainda restaram que foram 3 e nada fez com que eles desaparecessem agora vou ter que fazer uma mini cirurgia para retirá los e o único jeito
Meu rosto era muito ruim, saiam muitas espinhas grandes e internas e eu por ser muito claro aparecia demais.
Agora terminei e vou aproveitar o espaço ai do blog para compartilhar as experiências que tive .